Posts com Tag ‘urias o heteu’

E o que eles fazem de II Sm 23:39 que cita o nome do 37º valente de Davi: Urias, o heteu, aquele que teve a esposa e a própria vida tirada por Davi? Como fica a interpretação “além da letra”?

Moisés e Melquisedeque são muito mais tipos de Jesus do que Davi, mas que importa agora os tipos do Antigo Testamento, que nada mais eram do que sombras do Messias que havia de vir? E ele já veio, já consumou sua obra redendora no Calvário.

Ele é o Profeta (Dt 18:15) como Moisés, porém superior a Moisés, assim como a Nova Aliança é superior à Aliança do Sinai (Lei); Ele é o Sumo Sacerdote Eterno, segundo a ordem de Melquisedeque (Heb 7:21); Ele é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (Jo 1:29).

Ele, sim, deve ser o nosso modelo, o nosso alvo, o nosso exemplo em tudo, não Davi, Elias, Moisés, que, apesar de terem sido grandes homens da Bíblia, assim como nós, falharam, mas o que é perfeito, o que se esvaziou a si mesmo por amor de nós (Fil 2), este sim, é perfeito e tem o Nome que é sobre todo nome.

A Ele (não a denominações, a homens do Antigo Testamento, etc.) seja sempre a Glória!

…….

Cristão, graça e paz

Amado, deixo registrado que seu comentário me emocionou. Sim, pelo enraizamento nas Escrituras, aliás, bem inteligente. Com é bom preservar na memória esses lances proféticos que apontam para o Cristo de Deus, o Garantidor das Promessas.

Como está escrito (Rm. 11.36): “Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém!”

Davi concebeu a morte de Urias e a concretizou. Fato. Já que o intérprete-mor da ICM declara que Davi é tipo de Cristo, como entender o ardil cobiçoso e homicida de Davi contra o fiel Urias, o heteu convertido à Lei de Moisés? Sim, porque a Hermenêutica Bíblica exige que para o tipo (no AT) deve existir o antí-tipo (no NT); e assim teríamos Cristo com ardís cobiçosos contra alguém para tirar-lhe a vida… absurdo!

Isto nos mostra a falácia da doutrina revelada além da letra, apoiada em método obscuro e sem freios, de que o Pr. G. Gueiros faz uso, como COMPENSAÇÃO. Com espiritualização de frases das Escrituras ele fez do teologismo o seu trunfo (por não haver se dedicado ao Estudo da Teologia, já que seu irmão mais velho, o Gedaias, por exemplo, tinha essa formação ortodoxa).

Mas interessante o significado do nome Urias (hb. Uwriyah): o Senhor é um fogo. Entendo que a consciência de Davi ardia diante da intriga palaciana secreta que veio à luz quando Natã o repreendeu (aliás, com muita sabedoria, correndo o risco de ser morto). E continuo: se Davi é tipo de Cristo como entender o antítipo (Cristo) sendo repreendido?IMPOSSÍVEL!

Por exigüidade de tempo, lembrando o testemunho de Pedro (2 Pe. 2.21-25 ênfase nossa):

“Porquanto para isto mesmo fostes chamados, pois que também Cristo sofreu em vosso lugar, deixando-vos exemplo para seguirdes os seus passos, o qual não cometeu pecado, nem dolo algum se achou em sua boca; pois ele, quando ultrajado, não revidava com ultraje; quando maltratado, não fazia ameaças, mas entregava-se àquele que julga retamente, carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; por suas chagas, fostes sarados. Porque estáveis desgarrados como ovelhas; agora, porém, vos convertestes ao Pastor e Bispo da vossa alma.”
Paz.

CV.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/09/a-obra-construindo-heresias/