seita icm – minha experiência na ICM

Publicado: 10 de fevereiro de 2014 em Fatos obra maranata, Obra revelada
Tags:, , , , ,

MINHA EXPERIÊNCIA NA ICM

Minha experiência na ICM

Minha experiência na ICM

Fui membro da ICM, Igreja Cristã Maranata, por mais de 20 anos. Eu sempre acreditei no ensinamento transmitido de que a ICM era a “obra” do Espírito Santo, perfeita e única. Eu até admitia que outras denominações pudessem ser sérias, mas obra igual à ICM não existia. Eu, assim como todo bom icemita, sentia grande orgulho e privilégio por pertencer à obra.
Apesar dos crimes, prisões e muitas informações sobre diversos atos desonestos, eu acreditava que eram falhas humanas, independentes da “obra”, e seriam corrigidas pelo Espírito Santo. Falhas passíveis de acontecerem em qualquer outro lugar. Era um absurdo sair da igreja ICM por causa de erros do homem, afinal, Deus não erra.

Sempre ocorreram crimes contra a moral e dignidade de alguns membros que eram humilhados por erros insignificantes comparados hoje aos da cúpula: presidente da obra e subordinados. Foi então que o desvio de milhões de reais em dízimos e práticas de tantos outros crimes, somados ao descaso no tratamento do presbitério para com a igreja começaram a fazer a diferença.

A falta de clareza, mentiras, prisões e tantos atos ilegais e desleais para com o rebanho, fez com que a igreja ficasse fria. As pregações passaram a não alimentar espiritualmente. Igrejas vazias de pessoas e de Deus. Assim sendo, passei a assistir a cultos e mensagens na internet e televisão. E não sou a única, muitos membros seguem defendendo a igreja, mas, de tão vazios, ficam se alimentando de pregações em casa, quer pelo youtube ou televisão. Desdenham as demais igrejas, mas é nelas que encontram alimento, só que escondidinho, dentro de casa, mas não assumem a carência espiritual. Estão todos desnutridos e anêmicos espiritualmente, mas o medo e a soberba não os deixam sair da “obra”. Se colocar a obra acima de Deus não for idolatria, os adoradores de ídolos estão todos absolvidos deste pecado.

Alguns pregadores da ICM andam fazendo plágio de pregações de outras denominações. Eles assistem na internet e copiam, depois pregam como se fossem revelações. Estou falando por conhecimento de causa. Eles ouvem e fazem um resuminho mais “chué” porque não precisam pregar mais que 15 (quinze) minutinhos. Mesmo assim, fica o vazio, porque diante de todos os últimos acontecimentos escandalosos, a alegria do Espírito Santo não se faz presente verdadeiramente. A gente vê sorrisos, mas alegria não. Virou sepulcro caiado, infelizmente. Vivi isso.

Comecei a me alimentar de um banquete maravilhoso fora dali e descobri que a ICM é uma igreja soberba e faz com que seus membros também o sejam ao desprezarem outras denominações, acreditando serem os melhores e apenas a Maranata reter o evangelho genuíno. Mentira. A verdade é que a Maranata prega um evangelho egoísta.

Comecei a conhecer verdadeiramente o evangelho e o cuidado que as outras denominações têm com seus membros, incluindo aqueles que caem e são ajudados para que se ergam na caminhada e sejam restaurados por Deus. Isto é amor, é a igreja sendo hospital, cuidando dos enfermos e proporcionando cura física e espiritual.

A ICM funciona mais como tribunal e pisa naqueles que apresentam qualquer enfermidade espiritual, afastando estes do meio da igreja e condenando-os a um castigo sem fim. Nunca mais esquecem os erros de seus membros, mas julga e condena. E o tribunal, que é o presbitério de onde vêm todas as orientações, é composto por ex-presidiários, experientes na arte de pecar: Hipocrisia.

Por ter vivido muitos anos na ICM, conheço a dureza do coração da cúpula ao tratar irmãos humildes. Quando estes cometem algum deslize são massacrados para que sirvam de exemplo para o rebanho. Irmãos com maior recurso financeiro e influência recebem tratamento mais misericordioso. Por estes os maranatas oram e afirmam que não podemos julgar, mas deixar o Senhor Deus tratar com eles conforme sua vontade. Um bom exemplo são os próprios membros da cúpula, presidente e subordinados, que foram denunciados, presos, respondem a processos, serão julgados, e ninguém os afasta de suas funções na igreja. Hipocrisia.

Resolvi pensar. Então eu me interessei pelos discursos daqueles que saíram da igreja afirmando que muito da doutrina é heresia. Ouvi os retirantes, li textos na internet, conferi na Bíblia e concordei, à luz da Palavra, saí. O principal motivo de minha saída da igreja foram as heresias.

Aceitar erros do homem, até aí tudo bem, mas aceitar erros na doutrina que não condiz com a Bíblia, jamais. Deus tem que estar em primeiro lugar e não os interesses administrativos da igreja que usa normas para escravizar, manipular, controlar seus membros na doutrina do medo e uso de falsos dons, além de ensinamentos distorcidos sempre que convenientes. Não podemos negar a Bíblia, ela é nosso manual de vida, é a boca de Deus. Jamais poderei deixar Deus e amar a “obra”. Escolhi Deus, saí por causa da doutrina herética, soberba, sectarista, evangelho egocêntrico e sem amor, desonestidade…

Você pode não querer saber ou sentir medo de saber. Descobrir que fomos enganados, que vivemos uma mentira, traz muita tristeza, insegurança, medo, decepção. Dói.

Fomos treinados a acreditar que a Igreja Maranata é única e que fora dela não há vida. Um rebanho adestrado para acreditar no que o presbitério ordenar.

Saí. Lá não é obra de Deus. Quando se coloca Deus em primeiro lugar, não se consegue ficar sendo fiel à obra, isto é idolatria pura. Por ser fiel a Deus e sua Palavra, saí da ICM.

Enquanto o seu Deus for a obra e você amar a obra, você sentirá medo e permanecerá infeliz na obra que causa vergonha e dor. Aqui fora, além das grades da Igreja Maranata, todos sabem e comentam sobre seu evangelho egoísta, mas você leitor(a) maranata não sabe porque vive enclausurado nesse sistema e sua visão não vai além do que lhe é ensinado aí dentro. Os membros da ICM usam vendas e nem percebem.

O dia em que você abandonar esta idolatria de obra e olhar para Jesus, você vai fazer a mesma descoberta de Jó. A Bíblia diz que Jó era um homem justo, íntegro, temente a Deus, cumpridor da lei. Eu imagino que você também seja uma pessoa boa e com as melhores intenções em servir a Deus, assim como Jó. Mas mesmo com todas essas qualidades, Jó afirma que só conhecia Deus de ouvir falar. Somente depois de muitas dificuldades, grandes perdas e dores, foi que Jó conheceu a Deus de verdade.

O Presbitério da Igreja Maranata teve 45(quarenta e cinco) anos de oportunidade para se arrepender de seus pecados. Deus não habita no meio de mentiras. Então, o Espírito Santo está mostrando a verdade para libertar este povo dessa prisão maligna de mentiras. Aproveita este período de grandes perdas e dores na igreja Maranata, quando o Espírito Santo está trazendo à tona todo pecado e sujeiras que estavam ocultos aos membros, pecados praticados pelo presidente e subordinados desta igreja que se denomina “obra”, para receber esta bênção de Jó:

“Eu te conhecia só de ouvir falar, mas agora os meus olhos te vêem.” (Jó 42:5)

Foi exatamente o que aconteceu comigo. Vivendo no meio de crimes, heresias e mentiras, não tem como conhecer verdadeiramente a Deus, ainda que sejamos bons. Como o Espírito Santo vai operar nesse meio sujo? Mas ele ainda opera sinais. Podemos perceber o Espírito Santo operando dentro da Igreja Maranata com grande poder para mostrar os pecados dos administradores, as mentiras, os crimes, a sujeira escondida, a prisão. A ICM segue perdendo números incontáveis de membros e causando profundas dores aos que passaram por ela ou que ali permanecem presos por medo, ingenuidade ou soberba.

Não se sinta criticado. Os membros são, em sua maioria, pessoas idôneas e sinceras, mas o sistema é o que está falido no pecado por culpa dos maus administradores. A culpa não é sua. Você só será culpado se, mesmo sabendo da verdade, permanecer conivente.

Todas as bênçãos que recebemos vêm de Deus e não da igreja ou de pessoas. Não se prenda ao lugar por ter sido abençoado ali. O Deus abençoador não habita em templos feitos por mãos de homens. Deus habita dentro de nós. Somos templos do Espírito Santo. Não se sinta preso à denominação. É Deus quem abençoa.

“E, assim, o Senhor abençoou o último estado de Jó, mais do que o primeiro;…” (Jó 42:12)

Deus abençoe sua vida!

Texto enviado inbox

fonte: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=678942952168240&set=a.464938910235313.115008.464934880235716&type=1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s