maranata – A babilônia prostituída

Publicado: 18 de novembro de 2013 em Fatos obra maranata, Obra revelada
Tags:, , , , ,

A-GRANDE-BABILONIA-escrito-em-Apocalipse A autoridade eclesiástica dos pastores da ICM é concedida pelo PES e não necessariamente por Deus; e enquanto esses homens permancem vinculados ao mesmo eles sempre terão algum grau de poder sobre os membros da igreja.

 

A falsa unção gera a morte. Alguém consegue imaginar cerca de 30.000 documentos extraídos dos escaninhos do palácio da rainha desfigurada, circunstanciando a existência de crimes (em tese) e apresentados às autoridades públicas?

 

colhemos o que plantamos

colhemos o que plantamos

 

Ao longo desse governo monárquico, pseudocarismático e quadragenário Gedelti Gueiros exigiu incondicional obediência ao que ele fala. Ao tempo em que instiga o ódio religioso ele ameaça com a profetada: Bichada! Bichada! Vai ser comido de bicho!

Ele envolveu-se em atos administrativos os mais diversos, pessoalmente, a ponto de colocar funcionário de joelhos na sua frente, assediando-o moralmente e exigindo obediência do oprimido(equivalente ao “endemoninhado”, gr. daimonidzomai cf. Mc. 5.1-12 RA-SBB) no maranatês. Fatos mencionados em atual demanda judicial em face da ICM-PES.

Ele persuadiu os membros do Presbitério à construção da ideologiaObra como forma de vida, concentrando dinheiro em abundância incalculável, criando o curral eleitoral, disponibilizando invejável patrimônio imobiliário e elaborada cadeia de influência nos poderes públicos. Cercado de falsos profetas, mercenários e políticos raposas, ele dominou sobre as unidades locais, ciente da existência das fábricas de notas fiscais frias. Inegavelmente!

Enquanto o Diabo balança o rabo na boca dos falsos profetascresce ofanatismo instigado pelo ódio religioso em defesa da Obra como forma de vida. Constitui a exata expressão do interesse da Obra como forma de vida – e passa a fazer parte do dogma Corpo da Obra – aquilo queossorrevela pela boca do chefe-profeta de todos. O formatado icemista não mais consegue existir sem os comandos do Cabeça do Corpo. O poder falsa unção!

Entrementes, a babilônia maranática despontou histericamente. Nela o atual Conselho Presbiteral, estabelecido em 10.12.2011 por voto de manobras palacianas, nada mais faz do que elogiar o monarca, enquanto seus membros continuam mentindo para si mesmos, mentindo reciprocamente, mentindo para a membresia e mentindo para Deus e para o Diabo para não esquecerem que mentiram.

Estranhamente, os membros da fábrica de meia solas (quem lê entenda) não passam de espantalhos nascidos no pandulho da rainha desfigurada. Julgando-se os valentes da Obra (jargão inventado por Gedelti) deixaram a membresia nas garras dos donos de balcões de negócios e dormiram profundo sono ao som do grito histérico:Maranata! Maranata! Maranata! Enquanto os Judas da elite eclesial metiam a mão no dinheiro consagrado ao Senhor, o irresponsável mestre-mor construía heresias e gritava o famoso TÁ TUDO CERTO!!!  Zombeteiramente!

 

 

Fujam crentes! Não sejam cúmplices!

Insuportável em desvarios e mirabolantes planos de um sistema político-religioso que dominasse o poder civil, pelo menos por algum tempo, como na frase: Quem me dera se o Brasil aceitasse a Obra! Esforçando-se em desacatar as Escrituras, ele e seus falsos profetas alcunharam a expressão igreja fiel, Obra que veio da eternidade, porta da salvação, inconscientemente, mas à semelhança de Ninrode, o arquiapóstata da era patriarcal, o fundador de Bab-el, ou Babilônia, que constrangeu seus companheiros à construção uma obra profana cujo topo chegasse aos céus (Gn. 11. 1-9).

Maquiar a imagem da Maranata é absolutamente impossível. Não duvide: esta Obra como forma de vida doideja nos anos, enriqueceu, envelheceu e mostra os trapos. O monarca está nu e nem lava os pés.Sem sentir vergonha!

Não duvide da imagem atual da Obra.

poço de iniquidades desta babilônia eclesiástica continua escancarado aos olhos da Sociedade e é investigado pelos Poderes Públicos. Incansavelmente! Quando mais se abre mais fede e explodem mais podres e trapaças quanto mais se investigam os esconderijos dos Judas que beijam os donos de balcões de negócios.

PENSE!

Que Obra Maravilhosa, hein Gedelti?!

Será difícil entender, que, a Maranata está cheia de “anticristos” (cf. 1 Jo. 2.18); que o maioral deles foi bem identificado pelo MP-ES (em cuja DENÚNCIA de 08.05.2013 Gedelti Gueiros aparece no vértice da pirâmide do crime em uma sofisticada organizada criminosa); econfusão é o nome que podemos dar à denominação eclesiástica prostituída?

 

 

Leia também:

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/03/prisao-de-pastores-da-maranta/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/05/maranata-19-denunciados-por-estelionato-formacao-de-quadrilha-e-duplicata-simulada/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/06/fundador-da-igreja-maranata-e-detido-e-presbiterio-e-interditado-no-es/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/05/snapshot-news/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/06/snapshot-news-ii/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/08/snapshot-news-iii/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/09/snapshot-news-iv/

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/10/snapshot-news-v/

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/11/a-babilonia-prostituida/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s