Acontecem coisas nesta casa mal-assombrada que até o Diabo duvida.
Olhem essa: certo formatado era usado como “mula” para trazer equipamentos de vídeo-conferência, dinheiro na mala…
http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2012/02/noticias/cbn_vitoria/reportagem/1107023-publicar-no-domingo-cedo-produtos-entravam-no-pais-sem-impostos.html
Coisa revoltante. Ele poderia ter sido PRESO!!! E quando ele $e negou a $er mula do ungido perdeu a$ funçõe$ e entrou no $iclo de di$riminação pq $abia demai$ (que coi$a! de repente meu teclado in$iste em e$crever a$$im)…
E o que acontecia no final do dia de obrar? Nada demai$ para o meia-$ola, op$., para o pa$tor da unidade loca(l)dora de mulinha$. Depoi$ de mai$ um dia de obrar… o cobra criado amigo do Juda$ chegava na igrejinha de tijolinho$ cobrando dons de acordo com a doutrina. E era a$$im… eu tava lá…
– Cadê o dão? – depoi$ do cramô e$ta é a primeira pergunta .
– Tem não, sinhô. – Era o diácono falando.
– Ondé qui tá?
– Sei não, sinhô. Pregunte pra irmã do mulinha. Oiaelali…
– P$$$$$$iu! Tá no banco. 30 dia$!
– Cabô, gente. Vamu pru culto qui o povão ta e$perando a palavra além da letra porque ne$$a Obra é $sempre além da letra….
Mula vai… mula vem…

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/12/banquete-de-ladroes/#comment-12345

Anúncios
comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s