maranata – empresas que dependem do dízimo dos “obreiros”

Publicado: 15 de abril de 2012 em Testemunhos de obreiros, servos, pastores, diaconos
Tags:, , , ,

‘Mateus, ele só não quebrou a idolatrada “obra” por causa dos dizimos. Segundo informações de vítimas em Vila Velha, segue a relação de algumas empresas criadas por ele que quebraram e só os outros sairam no prejú: 1) plano de saúde; 2) cooptasim; 3)plano odontovip; 4)hospital glória; 5)representada do leite ibituruna, 6) fundação MPB(só continua por causa dos dizimos); 7) cacom(também depende de dizimos), 8) empresa imobiliária na região serrana do ES(sócios: AA, GDT, Tarcisio, Idival e uma sobrinha do GDT) e outras. Todas quebradas, mas apenas alguns “sócios” no prejú! “Interessante esse comentario, pois conheci alguém que conhece o Gedelti há muito tempo e esse disse que o Gedê já foi dono de um posto de gasolina que também “quebrou”. Parece que tudo que passa pela mão dele quebra.

fonte: http://www.orkut.com/Main#CommMsgs?cmm=1278527&tid=5600258314775836965&na=3&npn=2&nid=1278527-5600258314775836965-5728974086771380373

Anúncios
comentários
  1. […] maranata – empresas que dependem do dízimo dos “obreiros” […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s